Calango Aceso volta ao Recife e contagia o Internacional em 03h de show

CLG.Internacional.Recife.PE.5

É de praxe no roteiro de shows na capital pernambucana chegar ao segundo semestre e pensar de cara na festa do Forró das Antigas no Clube Internacional. A nação forrozeira contam os dias para tal acontecimento e de fato tamanha turbulência de expectativas foram respondidas com lotação e um time de atrações de peso foram escalados para atender tais ansiedades na noite do último sábado (18).

CLG.Internacional.Recife.PE.1

No line-up figuraram Cavalo de Pau, Batista Lima, Calango Aceso, Calcinha Preta e Mastruz com Leite, respectivamente, para o delírio dos fãs de várias gerações. A banda cearense comandada por Adriana Moral e Wennys Gomes, o forró Calango Aceso, subiu ao palco do Internacional, encarando um gigantesco público, caloroso, animado e agitado. Na medida certa como a banda queria para aquecer ainda mais a curtição.

CLG.Internacional.Recife.PE.3

O Calango Aceso fez de tudo um pouco. Tocou muitas canções conhecidas há mais de duas décadas do movimento que intitula o evento, explodindo as vozes com a amplitude da nostalgia. Misturou os sucessos do momento do forró e do sertanejo e ainda reverenciou os fãs com um dos seus maiores ritmos musicais da cidade: o brega recifense.

CLG.Internacional.Recife.PE.2

O tempo favoreceu. O grupo cearense dominou um espaço de 03 horas de apresentação com maestria e oportunidade, até a chegada da banda Calcinha Preta vinda de outro show para o Recife na mesma noite. Além de mostrar um leque musical com grandes pérolas do forró das antigas, o Calango Aceso registrou no palco seus atuais lançamentos como: “Bateu Levou”, “Você Que Quis Assim” e “Tudo Errado”.

CLG.Internacional.Recife.PE.4

A madrugada avançava e sem deixar a peteca cair, Adriana e Wennys, incendiava o Internacional com versatilidade, tocando vários hits do brega recifense, deixando o público numa explosão de alegria e vozes. Aproveitando a esfera do estilo musical neste momento da festa, a cantora Adriana Moral prestou uma homenagem ao cantor Deivison Kellrs da banda Torpedo, que enfrenta uma batalha contra um câncer, interpretando junto com o público a música “Fase Ruim”. A canção simboliza sua luta versus a doença.

CLG.Internacional.Recife.PE.6

Cravando os ponteiros do relógio em 03 horas de muito forró, o Calango Aceso realizou um brilhante show no Recife, onde os integrantes deixaram o placo sendo ovacionados pelos forrozeiros e uma crescente repercussão positiva invadia as redes sociais no raiar do dia, como sendo a melhor atração do evento, segundo o público participante. Que venha o Forró das Antigas 2019.